EXPEDIÇÃO NÃO CONSEGUE IDENTIFICAR MISTERIOSA “ANOMALIA DO BÁLTICO”

Os mistérios que circundam o Planeta Terra estão longe de acabar, sobretudo, quando o assunto é a imensidão abissal que se faz presente abaixo de nossos pés.

A expedição Ocean X Team, liderada pelo sueco Peter Lindberg, tornou públicas suas primeiras impressões sobre as profundezas do Mar Báltico, onde mergulhou para analisar um estranho objeto de 18 metros de diâmetro, avistado pela primeira vez há um ano, com formato que lembra um cogumelo.

Segundo os próprios exploradores, a expedição encontrou “algo que nunca havia visto antes”. Uma das hipóteses é que o objeto poderia ser de origem vulcânica, contudo não existe esse tipo de atividade no mar Báltico. Segundo o próprio Lindberg, trata-se da experiência mais estranha que ele já teve como mergulhador profissional.

As imagens captadas até o momento não permitem qualquer certeza sobre a natureza dessa “anomalia do Báltico”, como está sendo chamado o enigmático objeto.

Sem o discernimento espiritual, tais fenômenos tornam-se verdadeiros códigos, impossíveis de decifrar até mesmo para cientistas renomados, como estes.

Adaptado de historychannel

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s