Pseudo-pastor é preso por fazer sexo oral em adolescente durante um “retiro espiritual”

Na madrugada do último domingo (15) um não-humano, pseudo-pastor evangélico, de 63 anos, foi preso em Itapecerica da Serra, na grande São Paulo acusado de ter abusado sexualmente de um adolescente durante um retiro espiritual.

Autuado em flagrante na delegacia de Itapecerica o pastor, que não teve o nome divulgado pela polícia, foi transferido na segunda feira para o Centro de Detenção Provisória do município. De acordo com a polícia, o pastor trabalha como porteiro e ministra cultos na periferia de Itapecerica.

Segundo a Folha de São Paulo, o pastor alugou um sítio no bairro Jardim do Éden para passar o fim de semana com um grupo de crianças e adolescentes de sua igreja. Na noite de sábado, após as atividades recreativas realizadas entre os fiéis, o pastor foi para o quarto onde dormiam alguns dos adolescentes que participaram do retiro. De acordo com relatos dos jovens, isso aconteceu depois do jantar que aconteceu na sede do sítio, que acabou por volta das 22 horas. Os jovens relataram que o pastor estava “atormentado”, quando entrou no quarto.

Uma criança de dez anos contou aos pais que o pastor chegou a mexer em seu cobertor, mas não foi além disso. Porém, um rapaz de 17 anos disse a seus pais que acordou com o pastor fazendo sexo oral nele. Os adolescentes que participaram do retiro chamaram seus responsáveis, que acionaram a Polícia Militar.

Levado pela polícia à delegacia, o pastor foi indiciado sob suspeita de estupro.

Adaptado de gospel+

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s